Início > Filosofia de botequim, Verão > Conforto ou vaidade?

Conforto ou vaidade?

O mês de novembro foi muito frio neste reino. Depois de nãoseiquantos anos nevou nãoseiquantos centímetros, tudo ficou paralisado,a Inglaterra virou Escandinávia em pleno outono.

Eu sempre ouço muita gente dizendo que ama frio. Pelo menos 99% delas não tem noção do realmente significa morar no frio. 10 graus é tempo gostoso. 5 graus é friozinho. De 0 para baixo é que começa o frio. E aí vem a neve. E com a neve vem os tombos, os trens cancelados, os aeroportos fechados, as inconveniencias que amamos. E com isso tudo acontecendo, muitas vezes a última coisa que eu penso é em fica bonita. Eu quero ficar quentinha, quero colocar um sapato apropriado para não cair, quero virar um cebolão e me encher de camadas de lã como se não houvesse amanhã.

Para vocês terem noção do drama, enquanto eu escrevo no quentinho do meu lar, olha só como está lá fora:

Mas eu fico boba como ainda tem gente que faz tudo pelo carão. E sem exagero, isso pode custar a vida. Vocês tem noção que só neste pais, 6 pessoas morreram por acidentes causados pela neve em 15 dias? Aí eu fico pensando se realmente temos que fazer todo sacrificio do mundo todo o tempo para ficarmos lindas. Tem dia que eu saio com a minha bota de neve feiozinha. Mas saio feliz porque ela é super quente e não escorrega. Quando quero sair melhorzinha e a neve está castigando, uso uma galocha bonita com meia de neve por baixo. A gente tem mesmo que usar  a imaginaçào para não sair que nem um espantalho, experimentar, mas as vezes vale muito deixar a vaidade um pouco de lado para ser feliz e ter conforto.

E no Brasil é igual, mas diferente. A gente quer tirar tudo, quer só se preocupar em não derreter. Mas assim como aqui, tem gente que acaba em água mas não tira o cachecol.

No final das contas o princípio é o mesmo para todo mundo.

É saudável  e importante ter vaidade, querer sair linda, mas tem época que o melhor é relaxar e usar a imaginação(e  esse é outro princípo que vale para muita coisa!).

O que eu quero no meu inverno é edredon, aquecedor, cobertor de orelha, meia grossa, e muita compra de supermercado online pois sair nesse gelo é dureza.

No meu verão brasileiro eu quero pouca roupa com elegância, batom de cor forte, água de coco, água normal, água termal, muita água de sal, todas as águas do mundo. E principalmente, um beijo bem suado da família e dos amigos para esquentar a outra metade do meu inverno na volta.

A vaidade vai ficar em mim, as vezes muito viva , outras nem tanto, seguindo o ritmo do meu humor, do calendário e do aquecimento global.

Um beijo a todos!

Anúncios
  1. Polyanna Polycarpo
    dezembro 18, 2010 às 21:46

    É, não to mais desejando o seu frio não!!!
    Deixa o calorzinho aqui do ES mesmo! Tá ótimo…

  2. fátima carneiro
    dezembro 20, 2010 às 13:01

    Depois da ultima temporada ai,entendo perfeitamente o q vc diz e concordo, mas confesso q não consigo deixar de me encantar com o cenário q a neve faz, essa vista da sua janela é muito mais charmosa assim,rs, foi daí q vi os primeiros flocos de neve caindo na minha vida,rsrs (ai q melodramático!!!!) Pode parecer bobagem, mas foi emocionante, fiquei feito criança correndo de uma janela a outra pra conferir se caiam em todos os lados,rsrs, acho q bobeira assim só mineiro qdo ve o mar pela primeira vez, nada contra os mineiros, mas já vi cenas hilárias aqui em Itapoã de mineiros diante do nosso marzão.
    te amo, bjs

    • dezembro 20, 2010 às 22:59

      Meninas, não queiram isso mesmo! O caos nessa cidade está de matar!De acordo com os jornais é o maior caos causado pela neve no país.
      bjs

  3. Gabi
    dezembro 20, 2010 às 20:43

    que lindo post, lili!!!
    exagero de frio só dentro de casa com aquecedor…
    exagero de calor só dentro de uma cachoeira ou do mar gelado da p da costa…
    exagero de poesia sobre isso tudo só vc mesmo, gata!!
    um brinde então, aos exageros da vida!!
    mas concordo com sua mãe, essa sua vista é linda, e com a neve caido fica mais especial ainda!
    mas larga isso tudo e vem exagerar na comida, na bebida, no amor e na curtição aqui nesse brasil que tá morrendo de saudades de ti!
    até muito breve, eba!

    • dezembro 20, 2010 às 23:00

      Só, Gabi!
      Deus queira que até semana que vem tudo tenha se normalizado para eu cair nos braços da minha praia e dos amados!
      bjssss

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: