Arquivo

Archive for the ‘unhas’ Category

Auto-suficiência econômica

março 21, 2011 10 comentários

Minha mãe tem o dom da auto suficiência quando o assunto é vaidade.

Ela se maquia, costura, borda, faz a própria unha desde que me entendo por gente, pinta o cabelo, consegue fazer tudo por conta própria.

E apesar  disso meu “dom” nunca foi trabalho manual. O máximo que eu fazia quando morava no Brasil era minha unha, mas sempre que sobrava algo do meu pobre dinheirinho de estudante corria para o salão. E se me contassem que eu saberia fazer tudo sozinha morreria de rir.

Mas já ouviram que a necessidade faz o sapo pular?

E eu confirmo!

Desde que vim para essa cidade onde a prestação de serviço é o dobro do preço do produto, fui obrigada a me virar. E hoje posso afirmar que não tem essa de ” não tenho jeito para essas coisas.” É bem verdade que tem quem prefira não tentar a ter o trabalho de insistir até conseguir, e lógico que cada um irá se adaptar melhor ou pior a cada tipo de “faça você mesma” da vida, e tem sim gente (como mamis) que leva um super jeito para isso e faz tudo muito melhor do que a média, mas a verdade é que todo mundo é capaz, é so querer(osegredofeelings).

E aí que esses dias eu estava pensando que apesar de morrer de saudade de ir a salão, consigo cuidar muito bem de quase tudo que preciso em casa e que uma ajuda profissional não faz tanta falta como imaginava.

Se fizerem as contas sai muito mais barato ser auto suficiente usando produtos com qualidade superior do que ir ao salão frequentemente.

Vem comigo.

Hidratação- Gente, tem coisa mais besta de fazer? Podem dizer que existe a nanoqueratização, choque de argan oil, escova de abacaxi,escova cingalesa, mas a verdade é que uma hidratação simples com um bom produto faz um super efeito.  Fazendo bem as contas, dá para ter um mega tratamento uma vez por ano ou a cada 6 meses e deixar o tratamento mensal em casa.  Basta ter uma boa máscara capilar e o resto é resto. Fazendo as contas, uma hidrataçãozinha qualquer custa uns 70 reais. Se você fizer 3 destas já paga um pote do moroccanoil e sobra. E um pote vai durar pelo menos 10 hidratações. Pensa na economia, e isso usando O produto.

Unha- Muita gente já entrou na onda de fazer a própria unha. Colocando pé e mão por 20 reais(sendo barato!) no final do mês dá 80. Dá para comprar o esmalte importado do momento, ou comprar váaaaarios nacionais e sobra um tantão. Uma super dica para ganhar tempo é fazer a gringa e parar de tirar cutícula. Já falei disso por aqui e acho que isso foi uma decisão maravilhosa que tomei, facilita muito a vida. É só cuidar da cutícula, hidratar. Lembrando que um pote de hidratante de cutícula não é caro e dura uma vida.Outra dica boa é usar um pauzinho de laranjeira com a ponta bem fina. Ajuda muito a limpar o esmalte.

Cuidando da pele- lógico que isso requer uma ajuda da dermato. Mas não custa perguntar  durante uma consulta de rotina qual máscara ela indica para você. Eu costumo usar uma máscara para pele uma vez a cada 15 dias e vejo muita diferença. A pele fica mais macia e limpa. O uso de produtos bons e corretos aumenta bastante o intervalo entre uma limpeza de pele e outra, por exemplo.

Epilator- Meu melhor amigo! Não sei como se fala no Brasil, mas é aquele aparelho que retira o pêlo pela raiz. Depilar axila e meia perna no salão nunca mais. Só uso ele.

Tutoriais- tem de tudo, os meus preferidos são os de maquiagem e cabelo. Dá sim para aprender a fazer tudo sozinha! Não é só para quem tem jeito, basta ter paciência para aprender.Além de aprender a fazer makes e cabelos,  os tutoriais são fantásticos para saber o que usar, quando e como. Eu acho que maquiagem e penteado feito por profissional tende a durar mais, mas com vontade dá para fazer muita coisa sozinha. Só faço em salão quando o profissional é muito bom e a festa é muito especial. Se não quem faz sou eu mesma!

Massagem- sou viciada em massagem modeladora, acho que é uma das coisas que mais ajuda ao corpo ficar melhor. Mas como não dá para fazer sempre como gostaria, compro bons produtos anti celulite/ firmadores e uso antes de malhar, e uma vez por semana gasto um tempinho a mais para passar esses produtos com massageador, ou mesmo fazendo auto massagem. A boa forma tem ótimos vídeos para auto massagem no youtube. Não entendam mal, não digo que substitui a feita pela profissional, mas já ajuda muito!

Roupas- ainda não cheguei no ponto de fazer roupa ou acessórios, mas tem muito blog e site que dá dicas preciosas para consertar uma coisa aqui, encrementar outra ali. Por exemplo, eu nunca mais paguei para fazer bainha. Aqui se paga em média 10 libras para isso. Mais um pouco e se compra uma calça em promoção.Só uso cola de tecido para isso. É só usar a cola na parte de dentro da calça e passar o ferro na parte de fora. Mole mole.

Acho que compras online para abastecer os Faça você mesma são outra boa economia em relação aos precos das lojas normais.

Uma maneira de ganhar tempo, e que faço muito, é tirar o dia da beleza. Um dia para tudo!Nesse dia tem hidrataçao, tem unha, tem massagem, mascara facial, etc. Geralmente é meu dia de creuza, um dia que o marido não está, eu aproveito para cuidar das minhas coisas, as vezes dou uma de Amélia e arrumo a casa, e apesar do trabalhão que dá num dia só, é bem gostoso ter um dia comigo mesma, dá uma sensação de dever cumprido no final.

Algo que aprendi aqui e que levarei para a vida é fazer as contas levando em consideração o que se gasta por ano.

A gente pode pensar que ter um esmalte importado é um super luxo, mas acha normal gastar  uns 600 reais por ano só fazendo unha. Pensa no tanto de esmalte que dá para comprar com essa grana!

E pensa gastar quase 900 reais com hidratação por ano?!

Dá para fazer um estoque de produto de primeira!

Pensando assim dá para valorizar mais cada centavinho.

Sei que o profissional não ganha dinheiro por acaso. Lógico que é melhor sim fazer determinadas coisas com quem entende. Assim como nada substitui o bafafá do salão, não precisar mover um dedo e sair linda, saber das fofocas do bairro, ou ler Caras sem culpa,mas a realidade é que nem todo mundo pode ter o luxo de ir ao salão semanalmente. E isso não precisa significar andar mulambenta por ai.

Anúncios

Deixando o alicate de lado

agosto 20, 2010 7 comentários

Como já falei aqui antes, deixei de tirar as cutículas há algum tempo.

Essa decisão foi estimulada pela minha mãe, por ver as unhas mais lindas do mundo de uma blogueira que também não tira e por uma questão de lógica. Se no mundo, somos as únicas adeptas dessa prática, alguma coisa pode estar errada. Muitas tiram os cantinhos, dão uma limpada básica, mas essa onda de cavucação é bem brasileira mesmo. Aqui por exemplo, por uma questão de higiene e saúde tirar as cutículas como nós fazemos é proibido nos salões ingleses e para ser manicure tem que ter uma qualificação do National Occupational Standards (NOS) . Não sei dizer com firmeza como é tudo isso, mas pelo que li na net, e já ouvi de profissionais na área da beleza, realmente é preciso ter alguns cursos e certificados renovados de tempos em tempos.

E de uns tempos para cá sei que qualquer salão brasileiro anda cheio de cuidados com os materiais usados nas mãos e pés. Isso não é a toa, gente! Além de ser uma questão de saúde, notei o quanto machucava minha unha e cutícula, o quanto ela ficava com o aspecto seco e picotado alguns dias depois de feita. E outra,  já faço a própria unha ha muitos e muitos anos. Antes mesmo de vir para cá(quase 7 anos atrás) já fazia. Depois de Londres e seus preços absurdos então, nem se fala. E devo dizer que além de ser mais higiênico, demora muito menos. Com 20 minutos minha unha já está linda.Antes eu demorava 1:30. Mas lógico que isso não é de graça e exige certos cuidados!

Empurro o excesso de cutícula, e hidrato de maneiras diversas. Uso um hidratante próprio para cutículas, um redutor e a famosa canetinha. O redutor de cutículas veio do Brasil, e é da Avon. Simplesmente amo! Ele doma um pouco o excesso, e me ajudou principalmente logo que parei de tirar as cutículas. Mas não faz milagre nenhum,é algo gradativo e eu prefiro assim. Uso a noite pois acho que funciona melhor, assim como mamis que  concorda que faz mais efeito.Confesso que nem sempre me lembro de usar, mas quando uso faz a diferença.Para alguns dedos dos pés, que ficam um Deus nos acuda,uso um removedor. Não quero usar removedor nas mãos pois ele maltrata a pele e faz o contrário do que quero. Não machuca como o uso do alicate ao longo do tempo, mas também não é ideal e prefiro usar quando a coisa está feia mesmo, e só nos pés. O hidratante próprio uso todos os dias. Assim como o do rosto, do corpo, etc. Automático mesmo, já faz parte da rotina e fica dentro da bolsa, assim eu passo quando estou no trem, no trabalho, ou em qualquer outro lugar. Quando lembro de usar é só pegar na bolsa. E a canetinha, que também faz bem a unha em si, uso toda vez que troco de esmalte. Passo nas unhas e na pele, e deixo até absorver bem. Além do arsenal todo tem uma coisa que ajuda também, removedor de esmalte sem acetona. É uma frescurinha, um pouco mais caro que o normal mas nada de outro mundo. A acetona limpa com mais facilidade, mas também resseca a pele demais.

Mamis, que como já disse foi a incentivadora maior dessa onda sem alicate, também tem seus cuidados.Além do redutor da Avon, ela usa outras coisas.Vasenol, cera nutritiva para unhas e cutículas da Granado, bepantol(santo remédio para todos os males), luvas de silicone também da Avon, que eu sempre usei e amo,e hipogloss que de acordo com ela, usa  apenas uma vez: quando acabo tira esmalte e vai deixar um dia sem pintar,ela massageia e diz que ajudou a tirar manchas e amarelado da unha. Além de tudo isso, a dica dela é sempre usar luva para as pobres como eu que lavam louça. Eu nunca uso, confesso.

Kit de mamis

Meu kit

Enfim, são pequenas coisas que incluí no meu dia-a-dia e fizeram o aspecto(e provavelmente a saúde) da minha unha melhor. Eu recomendo pois o trabalho que dá é pouco pois tudo pode ser incorporado na rotina, faz bem, a melhora é visível e naquela hora de parar para fazer a unha o trabalho é bem menor. Por isso mesmo minhas unhas estão sempre feitas de uns tempos para cá. Antes me tomava tanto tempo que as vezes deixava sem fazer. Só tenho coisas boas para falar da minha nova prática e recomendo!

Cintilante + preto

março 18, 2010 12 comentários

Nunca mostro minhas unhas aqui, embora tenha o costume de fazer uma vez por semana, ou até duas quando estou inspirada. Já  blog suficiente falando do asunto, né?

Mas de vez em quando póooode!

Final de semana passado resolvi voltar aos velhos tempos e usar um esmalte escuro com cintilante por cima.

Usava muuuito esse estilo nos meus 15/16 anos, totalmente inspirada pela minha amiga/irmã Gabi Valladares, que é uma pessoa muito fina e sempre usa esmalte cintilante, e me fez olhar com outros olhos os brilhos nas unhas(acho que ela nem sabe!). Sim, tem como ficar fina de cintilante!

Acordei meio rock & roll no  domingo e resolvi usar cintilante com preto, assim já eliminei 2 esmaltes da lista do desafio e relembrei meus 15 anos. Gostei! Vou compartilhar, pois muita gente fica usando 40 camadas de cintilante dourado ou prateado para ficar com uma cor mais consistente, mas colocar ele por cima de um escurão fica lindo e não dá metade do trabalho. Duas camadas, uma do preto da gosh e um do frida da Impala, que é lindo e vou usar moito! Ele é bem douradão mas não fica tanto com o preto. É bom tirar bem as cutículas e empurrar, lixar a unha na parte de cima para esse tipo de esmalte, pois qualquer imperfeição aparece mais. Não foi o caso pois nesse dia nem tirei cutícula direito, mas fica a dica para quem faz a própria unha.

 Gostaram?

Unhas Louboutin

janeiro 11, 2010 Deixe um comentário

Não , o povo não tem mais o que inventar nas unhas, hehehe.